Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

miilk-shke
No comando: Milk Shake

Das 00:00 às 01:00

time
No comando: Time Machine

Das 00:00 às 01:00

slow
No comando: Slow Motion

Das 00:00 às 01:00

mais-mais-mais
No comando: Mais + Brasil

Das 01:00 às 02:00

top
No comando: Top Tunes

Das 01:00 às 02:00

mais-mais-mais
No comando: Mais + Brasil

Das 01:00 às 02:00

top
No comando: Top Tunes

Das 02:00 às 03:00

para-espaco-branco
No comando: Madrugada Portal

Das 02:00 às 03:00

top
No comando: Top Tunes

Das 02:00 às 03:00

site-brasil
No comando: Brasil Caminhoneiro

Das 03:00 às 03:30

01-portal-do-sertao
No comando: Portal do Sertão

Das 03:00 às 05:00

01-portal-do-sertao
No comando: Portal do Sertão

Das 03:00 às 06:00

01-portal-do-sertao
No comando: Portal do Sertão

Das 03:30 às 04:00

uiiiiiiiiiiii
No comando: A Hora do Peão

Das 04:00 às 05:00

02-sertanejo
No comando: Sertanejo Bom D+

Das 05:00 às 07:00

02-sertanejo
No comando: Sertanejo Bom D +

Das 05:00 às 08:00

uiiiiiiiiiiii
No comando: A Hora do Peão

Das 06:00 às 08:00

minas-1
No comando: Jornal da Itatiaia

Das 07:00 às 08:00

para-espaco-branco
No comando: Encontro com o Rei

Das 08:00 às 09:00

para-espaco-branco
No comando: Show de Sucessos

Das 08:00 às 10:00

03-show-da-manha
No comando: Show da Manhã

Das 08:00 às 12:00

para-espaco-branco
No comando: Domingo Show

Das 09:00 às 12:00

para-espaco-branco
No comando: Clássicos Sertanejos

Das 10:00 às 12:00

para-espaco-branco
No comando: Top 10 Sertanejo

Das 12:00 às 13:00

04-podium-portal
No comando: Podium Portal

Das 12:00 às 13:00

para-espaco-branco
No comando: Tarde Máxima

Das 12:00 às 17:00

05-mundo-mix
No comando: Mundo Mix

Das 13:00 às 16:00

para-espaco-branco
No comando: Tarde Máxima

Das 13:00 às 17:00

06-bailao
No comando: Bailão Sertanejo

Das 16:00 às 18:30

para-espaco-branco
No comando: Fim de Semana Portal

Das 17:00 às 19:00

para-espaco-branco
No comando: Fim de Semana Portal

Das 17:00 às 19:00

07-amigos-da-bola
No comando: Amigos da Bola

Das 18:30 às 19:00

para-espaco-branco
No comando: Portal 360 Graus

Das 19:00 às 20:00

para-espaco-branco
No comando: Portal 360 Graus

Das 19:00 às 20:00

voz
No comando: A Voz do Brasil

Das 19:00 às 20:00

08-portal-e-10
No comando: Portal é 10

Das 20:00 às 21:00

mais-mais-mais
No comando: Mais + Brasil

Das 20:00 às 21:00

08-portal-e-10
No comando: Portal é 10

Das 20:00 às 21:00

09-40-min
No comando: 40 Minutos Portal

Das 21:00 às 21:45

09-40-min
No comando: 40 Minutos Portal

Das 21:00 às 22:00

top
No comando: Top Tunes

Das 21:00 às 22:00

10-velhinhas
No comando: As três Velhinhas

Das 21:45 às 22:00

11-love-time
No comando: Love Time

Das 22:00 às 00:00

11-love-time
No comando: Love Time

Das 22:00 às 00:00

para-espaco-branco
No comando: Fim de Semana Deixa Rolar

Das 22:00 às 23:00

fifififififi
No comando: # Fica a Dica

Das 23:00 às 00:00

Investimento em manutenção em Mariana foi alvo do MP no caso Samarco.

Compartilhe:
samarco09-02-2019_07

Possíveis cortes de investimentos na manutenção de barragens de rejeitos também foram um assunto que rondou as investigações envolvendo a mineradora Samarco, empresa que tem a Vale e a BHP como sócias. Nesse caso, uma denúncia do Ministério Público Federal decorrente do rompimento em Mariana (MG) levantou críticas à atuação da empresa na redução de gastos para a segurança de barragens. Segundo cálculos do órgão, “a restrição de gastos com geotecnia (segurança), no ano de 2015, em relação à equivalência do orçamento de 2012, foi de 41%”.

Conforme a denúncia do MPF, para que o resultado financeiro não fosse afetado pelo cenário de queda contínua dos preços do minério de ferro, “segundo a empresa eram necessárias medidas como ‘redução de custos de produção’, ‘esforço na eficiência do processo’, ‘ganhos de produtividade’, ‘austeridade na gestão de custos de produção’, o que ocorreu, especialmente, na atividade de geotecnia”, relata a denúncia.

O rompimento da barragem da Samarco em Mariana completou três anos em 5 de novembro do ano passado. Com o rompimento, cerca de 39 milhões de metros cúbicos de rejeitos foram liberados. No total, 19 pessoas morreram, comunidades foram destruídas e os dejetos atingiram a bacia do Rio Doce, que deságua no Espírito Santo.

Já o rompimento da barragem da Mina do Córrego do Feijão, da Vale, no dia 25 de fevereiro deste ano, deixou pelo menos 150 mortos e há mais de 180 desaparecidos, segundo os dados mais recentes.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook

Whatsapp da Portal FM

Whatsapp da Portal FM